Vôlei de praia

Alison e Bruno Schmidt estreiam contra dupla austríaca nas finais do Circuito Mundial

Atuais campeões da Copa do Mundo enfrentam Doppler/Horst nesta terça e ainda pegam Nummerdor/Varenhorst (HOL), Dalhausser/Lucena (EUA) e Schalk/Saxton (CAN)
28/09/2015 19:23 - Atualizado em 28/09/2015 20:51
Por ahe!
RIO

Alison e Bruno Schmidt estão na liderança isolada do Circuito Mundial 2015 - Divulgação/FIVBLíderes isolados do Circuito Mundial 2015 (6.070 pontos), Alison e Bruno Schmidt entram em quadra na tarde desta terça-feira, às 13h (horário de Brasília), estreando nas finais da temporada internacional no torneio que será disputado nas areias de Fort Lauderdale, na Flórida, nos Estados Unidos.

Atual campeã da Copa do Mundo, a dupla é cabeça de chave do Grupo B e, na primeira rodada, mede forças com os austríacos Doppler e Horst, time que já enfrentou cinco vezes, tendo vencido quatro confrontos. Na primeira fase, os brasileiros terão pela frente ainda Nummerdor/Varenhorst (Holanda), Dalhausser/Lucena (EUA) e Schalk/Saxton (Canadá).

- Estamos empolgados e muito concentrados. Esse é o tipo de torneio que todo mundo gosta de jogar, o evento está com uma cara legal, a estrutura impressiona e isso motiva. Estamos chegando ao final da temporada, esse é um campeonato que todos querem ganhar e temos os austríacos pela frente nessa estreia. Doppler/Horst é uma dupla muito técnica, vem em excelente temporada e sempre joga bem contra a gente - afirmou o “Mágico” Bruno Schmidt.

Veja mais: Adrian Carambula deixa futebol e ex-parceiro Suárez para jogar vôlei de praia 

Juntos desde o começo de 2014, Alison e Bruno Schmidt já estão classificados para os Jogos Olímpicos Rio-2016. Este ano, a dupla foi campeã da Copa do Mundo (2015), dos Grands Slams Yokohama (Japão/2015), Long Beach (EUA/2015) e Olsztyn (Polônia), e do Major de Gstaad (Suíça/2015).

- Vai ser um campeonato bastante nivelado, de altíssimo nível. São os dez melhores times da temporada, as duas chaves são muito fortes, a competição tem um formato diferente e que transforma cada partida em decisão. Treinamos bem e espero que a gente consiga jogar o nosso melhor jogo - disse o 'Mamute' Alison.

Veja mais: Apesar do fim do sonho, Ricardo e Emanuel vão ficar na torcida no Rio 2016


compartilhar no